youtube-sans-fonte-tipografia-google-com-limao-04

Compartilhe:   

Youtube Sans: A nova tipografia da plataforma de vídeos

por Victor Vasques

Recentemente o Youtube anunciou o seu novo visual (se você ainda usa o layout antigo, dá para ativar a nova versão neste hotsite da plataforma), com design simples e bem leve, o Google tem investido com força na identidade visual dos seus produtos. No entanto, esta repaginação visual não se limita apenas aos campos de UI/UX. Um trabalho incrível (mas que ainda não vi ser aplicado 100%) é a tipografia Youtube Sans, a nova “voz” da plataforma de vídeo.

Desenvolvida pela espanhola Saffron, a família tipográfica bastão tem como base as linhas, curvas e ângulos do famoso símbolo vermelho. Um trabalho belíssimo e com grande “aplicabilidade” em meios digitais, visto que é uma fonte com excelente leitura.

youtube-sans-fonte-tipografia-google-com-limao-02

youtube-sans-fonte-tipografia-google-com-limao-07

Não é de hoje que o Google aposta na união do design e da tecnologia. Em setembro de 2015 o Com limão contou um pouco da genialidade por trás do logo com apenas 305 bytes do Google. Já no último mês de abril, nós mostramos o case do Google Black Belt, uma belíssima identidade para os experts em AdWords.

youtube-sans-fonte-tipografia-google-com-limao-08

youtube-sans-fonte-tipografia-google-com-limao-01

youtube-sans-fonte-tipografia-google-com-limao-03

youtube-sans-fonte-tipografia-google-com-limao-05

youtube-sans-fonte-tipografia-google-com-limao-09

youtube-sans-fonte-tipografia-google-com-limao-06


Victor Vasques é designer, editor chefe do Com limão e sócio proprietário da Citrus Consultoria. Como gestor de marcas e criativo, já atuou com grandes marcas, como Discovery, UOL, iG, Globo.com e VEJA.

Eu irei lhe fazer uma proposta que você não poderá recusar - Don Vito


0

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>


Voltar para o topo ↑