Redes Sociais

Olá, o que você está procurando?

Sem categoria

Sepultura lança cerveja SepulWeiss e estende a marca do mercado de música para outras áreas

Por Pablo Vallejos

Com 25 anos de carreira comemorados em 2009, a banda de metal Sepultura ainda tem muito que celebrar. Afinal, foram 14 discos de sucesso, contando com o mais novo “A-Lex”, primeiro com o novo baterista, Jean Dolabella, substituindo Igor Cavalera. Para dar um toque especial na festividade da banda, comemora-se também o lançamento da Sepultura Weissbier, cerveja de trigo de fermentação alta, engarrafada por uma marca criada pela banda.

Com aroma frutado de cravo e maçã e teor alcoólico de 4,4%, a “SepulWeiss” foi produzida pela Fábrica do Chopp, microcervejaria de São Paulo. A idéia da criação do produto surgiu no próprio estabelecimento, quando o baixista do Sepultura Paulo Xisto foi levado para conhecer o lugar com dois amigos para uma degustação.

O mestre cervejeiro Michael Trommer, da Fábrica do Chopp, afirmou com exclusividade para o Com limão que o músico estava decidido quando tomou a prova. “Paulo foi à chopperia e degustou. Ele adorou e disse que já tinha tomado esse tipo de cerveja numa cidade na Alemanha”, explica. “Adorou e disse que queria uma dessas para comemorar os 25 anos da banda”, diz Michael.

Já em uma entrevista para nossa equipe, Paulo Xisto distribui os créditos e conta que a Sepultura Weissbier foi um trabalho conjunto: “No desenvolvimento da cerveja em si, eu participei mais do que os outros. Mas em relação à arte e o restante, todos contribuíram”.

Apesar de o lançamento ser num clima festivo, a banda prefere fazer campanhas e publicidade sem pressa. “O lançamento oficial para imprensa e para um grupo selecionado, será no dia 29 de março, segunda-feira. Estamos pensando em fazer algumas ações publicitárias, mas com certa calma”, conta o baixista. ”A prioridade nesse momento é a nossa Tour européia!”, diz Xisto, animado.

“…a idéia inicial era uma parceria de 4 tipos de vinho”

O músico não esconde a felicidade pelos passos que a banda está dando e revela também próximos planos para estender uma marca. “Na verdade, a idéia inicial era para com uma parceria de quatro tipos de vinho Argentinos (Mendonza) com a assinatura da banda”, diz. Xisto ainda compartilha expectativas: “Isso deverá acontecer até o final do primeiro semestre, espero eu. A cerveja acabou tomando outras proporções e decidimos em lançá-la antes dos vinhos”.

As medidas tomadas pela Sepultura realmente explicam a necessidade de se abrir um leque de opções, aonde o músico vai além das canções que toca, e leva o nome da banda a todos através de uma cerveja, uma linha de roupas, um perfume, etc. A banda logo constrói uma identidade e dela, os fãs se apegam por demonstrar o afeto com os ídolos – vide tênis do Nirvana, Ramones e até AC/DC.

A Sepultura Weissbier é produzida pela Fábrica do Chopp e estará à venda em 12 bares apenas de São Paulo, além do fã-clube da banda e da própria fábrica.

Pablo Vallejos é assessor de imprensa e editor de vídeos. Além de cinéfilo e amante da publicidade, é colaborador do Com limão no Rio de Janeiro

Leia também

Copyright © 2020 Com limão. Todos os Direitos Reservados.