Redes Sociais

Olá, o que você está procurando?

Comunicação

As marcas mais valiosas do mundo e o crescimento da Tesla e Tencent

A edição 2017 do BrandZ das Top 100 Marcas Globais Mais Valiosas, divulgado pela WPP e Kantar Millward Brown, mostra uma hegemonia dos gigantes da tecnologia no topo. Com Google, Apple, Microsoft, Amazon e Facebook nos cinco primeiros lugares, este ano, o valor total das Top 100 marcas cresceu 8% chegando a US$3.64 trilhões, comparado com 3% em 2016. Outro dado interessante é que o número de marcas que valem mais de US$ 100 bilhões aumentou de seis para nove.

Google, Apple e Microsoft se mantiveram entre os Top 3, aumentando o valor de marca em 7% para US$245.6 bilhões; em 3% para US$234.7 bilhões e, em 18% para US$143.2 bilhões, respectivamente, comparado com o ano passado. Facebook ocupa o quinto lugar, com crescimento de 27% passando para US$129.8 bilhões. Um ponto a destacar é que 25% do valor total das Top 100 marcas mais valiosas do BrandZ é composta pela soma dos valores combinados das Top 5, o que reforça sua importância no cenário atual de negócios.

Devemos ficar de olho em Jeff Bezos, Elon Musk e “Pony” Ma Huateng

Começando por Bezos, a Amazon registrou o maior crescimento de todas as marcas das Top 100, aumentando US$40.3 bilhões (+41%) e chegando ao valor de US$139.3 bilhões, o que rendeu a quarta posição no ranking. No entanto, a marca é voraz e seu crescimento só deve aumentar. Ainda este mês, a Amazon anunciou a compra da Whole Foods, rede de supermercados americana e Bezos, com a sua Blue Origin, vai produzir motores para foguetes na cidade do Alabama, nos EUA.

Uma marca “core” e viagens para Marte. Espera aí, já vimos esta história antes. Exatamente, Bezos está seguindo a estratégia de Elon Musk. A vantagem é que Bezos, particularmente, tem mais dinheiro do que Tony Stark, quero dizer… Elon Musk.

Mas por falar em Musk, o sr. Energia Solar e Carros Elétricos também está no ranking. A Tesla cresceu 32% e se tornou a marca automotiva de crescimento mais rápido do mundo, com um valor de marca de US$5,9 bilhões. Apesar de ser “apenas” a oitava no ranking de montadoras, a marca (com apenas 8 anos de existência) já ultrapassou lendas do mercado, como Land Rover e Porsche.

Por fim, temos outro destaque em oitavo lugar (agora no ranking geral). A marca chinesa Tencent, impulsionada pelo aumento do uso de sua plataforma social WeChat, entrou no Top 10 pela primeira vez, com aumento no valor de marca (27%, US$108.3 bilhões). Para quem nunca ouviu falar em “Pony” Ma Huateng, vale dar uma olhada no dossiê que montamos sobre a marca e seu fundador.

Só para ter uma ideia do poder de fogo chinês, alguns analistas apostam que a Tencent pode se tornar a maior marca do mundo em dez anos. Além de serem donos de 5% da Tesla, a chinesa possui em seu portfólio aplicativos e games como Clash Royale e League of Legends, além, é claro, de fazer parte do clube dos US$ 300 bilhões, junto com Apple e Google.

Insigths e tendências do ranking BrandZ Global Top 100

Os ecossistemas de tecnologia centrados no consumidor tornam as marcas indispensáveis: Os consumidores podem cada vez mais realizar uma série de atividades, desde compras online até assistir a televisão, sob a bandeira de uma marca e em vários dispositivos. Esta conveniência também permite que as marcas mais ponderosas minimizem o risco de mudança dos consumidores.

Empresas tradicionais não tecnológicas estão adotando a tecnologia para inovar e aumentar o apelo para consumidores: A Adidas, marca de mais rápido crescimento, introduziu a impressão 3D para produzir seus calçados, por exemplo, enquanto a marca de fast food Domino´s Pizza oferece aos clientes um rastreador de pedidos em tempo real.

As Top 100 estão mais jovens: A média atual de idade das marcas é 67 anos, comparado com os 84 anos em 2006, refletindo a entrada de novas marcas de tecnologia e marcas chinesas emergentes.

Uma boa comunicação coloca as marcas na ponta da vantagem competitiva: As três maiores com comunicações mais fortes (incluindo McDonald’s e L’Oréal Paris) aumentaram 196% em valor, comparado com 47% para as três menores. Isso ocorreu, pois elas amplificaram com sucesso a diferenciação que criaram.

Ranking das Top 10 marcas mais valiosas (valores em US$bi)

  1. Google – 245
  2. Apple – 234
  3. Microsoft – 143
  4. Amazon – 139
  5. Facebook – 129
  6. AT&T – 115
  7. Visa – 110
  8. Tencent – 108
  9. IBM – 102
  10. McDonald’s – 97

Leia também

Apple

Como já é tradição há anos, sempre que um novo produto Apple é lançado, o time do iFixit desmonta minuciosamente o produto e mostra...

Apple

AirPods Pro de graça! Parece pegadinha, mas é a promoção de volta às aulas da Apple, que vai presentear os consumidores brasileiros que comprarem...

Apple

No texto de ontem (11), comentei alguns pontos do texto “As previsões da Singularity University até 2038 – Parte I: A próxima década” sobre...

Apple

O iPad Air 4 traz redesign com cores chamativas, processador de última geração, Touch ID no botão superior e excelentes acessórios.

Copyright © 2020 Com limão. Todos os Direitos Reservados.