Redes Sociais

Olá, o que você está procurando?

1Bitcoin

Como estudar uma criptomoeda?

A celebridade Kim Kardashian foi multada em US$ 1,25 milhão após promover um criptomoeda de maneira incorreta em suas redes sociais. Com esse fato, fica claro que para conhecer uma criptomoeda de verdade não basta apenas confiar nas fontes que fazem propaganda, mas sim é crucial que se pesquise por conta própria. Sendo assim, entenda como estudar um criptoativo para nunca depender de celebridades, nem mesmo do Elon Musk!


Quer comprar criptomoedas e tokens? Conheça a NovaDAX, a única exchange no Brasil com conta digital gratuita e cartão pré-pago.

O primeiro passo para estudar uma criptomoeda é buscar pelo seu site oficial e também seu whitepaper, neste documento a funcionalidade da criptomoeda é descrita e também sua economia. Em um whitepaper, por exemplo, é possível descobrir quantas moedas existirão, se elas podem ser mineradas, se possuem algum mecanismo deflacionário, entre outros fatores.

Whitepapers muito rasos podem significar um grande alerta para os compradores, já que é o principal documento que apresenta o criptoativo, e se nesse documento não encontram-se dados que ratificam a força do token, é pouco provável que seja confiável.

Ainda além, e de suma importância, é crucial pesquisar pelo nome das pessoas por trás do token pesquisado, um time inexperiente deve ser recebido com cautela, assim como uma figura marcada por outros criptoativos que já foram criticados pela comunidade também devem alertar quem pesquisa aquela criptomoeda. Por último, hoje a ideia de ter fundadores anônimos nos projetos é muito pouco atraente para os investidores, afinal facilita golpes conhecidos como rug-pull, em que os fundadores simplesmente desaparecem após venderem o máximo de tokens possíveis sem dar razões à comunidade

Após analisar o Whitepaper, é importante buscar em quais locais o token desejado está listado, e isso pode ser visualizado em sites como CoinMarketCap e CoinGecko. A listagem de tokens em grandes plataformas é um grande ponto positivo para as criptomoedas, funciona como um sinal de aprovação de que aquele criptoativo possui uma forte comunidade e também um grande mercado, já que dificilmente tokens micro estarão listados em grandes exchanges, como a NovaDax. Se o token pode ser comprado apenas em sites como PancakeSwap ou SushiSwap, ao menos para investidores de primeira viagem, talvez seja melhor esperar um pouco para o amadurecimento do projeto.

Todas essas informações são básicas para qualquer token, e podem ser levadas como uma ação padrão para conhecer novos criptomoedas, agora sendo um pouco mais específico sobre as categorias de tokens, é sempre importante analisar qual o propósito do token estudado, e com isso utilizar métricas diferentes. No mercado de criptomoedas existem criptomoedas de pagamento, tokens de utilidade e tokens de segurança, valendo destacar um pouco de cada tipo.

Criptomoedas de pagamento precisarão ser estudadas levando em consideração o seu potencial de aceitação pela comunidade e comparando com outras criptomoedas de pagamento, como o Bitcoin, analisar se aquele token possui soluções melhores que tokens já conhecidos do mercado é um ótimo caminho. Tokens de utilidade, por sua vez, requerem que o investidor entenda qual o serviço que a criptomeoda facilita, e qual a verdadeira importância daquele serviço para o meio. Por último, tokens de segurança estão vinculados a produtos que já existem, e é importante buscar de que modo aquele criptoativo garante a posse do ativo que se propõe a representar na blockchain.

Com esses 3 passos o usuário já está mais que preparado para analisar novas critpomoedas: conhecendo o whitepaper, seus fundadores e qual o tipo de token, os principais fatores já foram cobertos. Esse tipo de ação é essencial para quem acabou de entrar no mundo de criptomoedas, afinal são centenas de criptomoedas e, caso o único meio de entender melhor as criptomoedas seja apenas depender de recomendações, o usuário estará restrito a opinião de outros e não de seu próprio conhecimento. E agora você está preparado para entender melhor qualquer qualquer criptomoeda que apareça nas suas redes sociais!

Leia também

1Bitcoin

Após meses de conversas e rumores, os NFTs finalmente entraram no Instagram, e agora com a novidade de que os criadores poderão gerar seus...

1Bitcoin

A Blockchain é uma tecnologia inovadora que garante a descentralização de transações financeiras e informações com o uso puro de tecnologia e mecanismos para...

1Bitcoin

Em meio ao inverno das criptomoedas, momento de baixa dos valores e marcado pelo fechamento de muitos projetos, a blockchain Aptos e seu token...

1Bitcoin

São inúmeras as tentativas de explicar a blockchain com boas analogias. Comparam a páginas de um livro, com uma vila mas, dessa vez, a...

Copyright © 2020 Com limão. Todos os Direitos Reservados.